Acusada de escalar jogador irregular, Portuguesa pode ser rebaixada e 'salvar' Fluminense

Uma falha cometida pela Portuguesa na última rodada do Brasileiro ameaça mudar mais uma vez a história do campeonato encerrado no fim de semana. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) confirmou que receberá nesta quarta-feira um comunicado por parte da CBF notificando uma possível escalação irregular do meia Heverton, da Portuguesa, que resultaria, em caso de comprovação, na perda de quatro pontos do clube paulista e salvaria o Fluminense do rebaixamento.

"A CBF fez hoje (terça-feira) o controle de punições de cartões e ficamos sabendo através de um telefonema deles da irregularidade de dois atletas. Vamos analisar o documento e, se oferecermos a denúncia, os times perdem os pontos da partida e também o que somaram", afirma o procurador-geral do STJD, Paulo Schmitt, ao ESPN.com.br.

O atleta da Lusa foi suspenso pelo STJD na sexta-feira por dois jogos após ser expulso contra o Bahia - havia cumprido uma partida contra a Ponte Preta - e entrou em campo diante do Grêmio, no domingo. Dessa forma, caso o tribunal aceite e julgue procedente a denúncia, a Portuguesa perderia três pontos pelo erro e mais o ponto somando na partida. O confronto com os gremistas acabou empatado em 0 a 0.

Heverton foi julgado pelo STJD na sexta-feira, com a presença do advogado lusitano Osvwaldo Sestario Filho, mas o seu resultado foi publicado no site da CBF somente na segunda-feira. A suposta demora no anúncio do veredito não muda em nada a infração possivelmente cometida pela Portuguesa.

"Não tem nada a ver. A decisão passa a valer a partir do dia em que é tomada, entrando em vigor no próprio sábado. Não existe isso de que ter que aguardar até o primeiro dia útil ou a segunda-feira", diz Schmitt.

Atualização em instantes

Fonte: ESPN

Leia também

Veja todas as notícias

Comentários