Luana Costa conquista o bronze no Aberto Pan-Americano de Santiago

Por Site Oficial em
Uma das novas contratações do judô do Mais Querido, Luana Costa provou neste fim de semana o motivo de ser uma das promessas da modalidade no Brasil. Aos 18 anos, a judoca participou de seu primeiro campeonato internacional na categoria Sênior, uma acima da Júnior, que corresponde à sua idade, e já subiu ao pódio. 
Luana conquistou a medalha de bronze no Aberto Pan-Americano de Santiago, no Chile, no último sábado (10). A judoca venceu a anfitriã Francesca Alamos, por ippon, na primeira luta, mas perdeu em seguida para Abi Betsabe Madaf. Na disputa pelo bronze, a rubro-negra superou mais uma chilena, Sasha Munoz, terminando o torneio em terceiro lugar.
"Eu me sinto muito feliz por ter conquistado essa medalha para o Brasil e para o Flamengo. Me sinto mais feliz ainda porque foi a minha primeira competição do ano e eu consegui trazer essa alegria para o clube, uma medalha internacional para a gente, para os rubro-negros", afirmou Luana.

A judoca compete na categoria peso-leve, para atletas que pesam até 57kg. Após o compromisso com a seleção brasileira, Luana volta a treinar na Gávea, sob o comando de Rosicleia Campos.   

As equipes de judô do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – Estácio, AmBev, Rede D’or, IRB Brasil RE, CSN, Brasil Plural, EY – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR) e Lei de Incentivo Estadual/Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (Seelje) do Rio de Janeiro, além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé.